DGAV aprovou sete espécies de insetos para consumo humano 1320

A Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) anunciou no seu portal, que foram aprovadas sete espécies de insetos para consumo humano.

Duas espécies de grilo, uma de besouro, duas de larvas e duas de gafanhotos foram já autorizadas.

De acordo com o comunicado divulgado, “os insetos podem ser comercializados/usados, inteiros (não vivos) e moídos (por exemplo, farinha). Partes ou extratos de insetos não podem ser comercializados”.

A DGAV chama ainda a atenção para o risco de alergias.

“Assim, é importante que os consumidores sejam claramente informados na rotulagem e na comercialização, que um alimento contém insetos e de que espécie são”, indica a nota.

Pode consultar o documento aqui.

WordPress Ads
Envie este conteúdo a outra pessoa