Estudo: Cítricos podem reduzir risco de AVC 0 6

 

 

15 de novembro de 2018

Uma investigação publicada na revista científica “Journal Of Nutrition” deu conta de que as pessoas que seguem uma dieta rica em frutas como a laranja, o limão e a clementina, por exemplo, ou sumos naturais, têm um risco 31% menor de sofrerem um AVC relativamente às que não ingeriam estas frutas. Os citrinos são a principal fonte de flavanonas, um tipo de bioflavonóides associado a uma melhor circulação sanguínea e a melhores níveis de colesterol.

Isto porque se acredita que estes bioflavonoides produzam um efeito protetor nos vasos sanguíneos, melhorando a sua elasticidade: uma das teorias é que as flavanonas aumentam os níveis de óxido nítrico, a substância química que relaxa e dilata as artérias.

De acordo com o estudo desenvolvido pela Nurses’ Health Study, os consumos totais de flavanoides, foram calculados com base em questionários semi-quantitativos de frequência alimentar coletados a cada quatro anos.

Os dados experimentais sustentam que o conteúdo de flavanona de frutas cítricas pode ser cardioprotetor.

Envie este conteúdo a outra pessoa