Especialistas vão “Recalibrar a Balança” no Dia Nacional de Luta contra a Obesidade 510

“Recalibrar a Balança” é o mote para um evento da Associação de Doentes Obesos e Ex-obesos de Portugal (ADEXO) que se realiza já no próximo sábado, dia 21 de maio, data em que se assinala o Dia Nacional de Luta contra a Obesidade. A iniciativa tem início às 10:00 no Auditório dos Paços do Concelho da Câmara Municipal de Odivelas.

Para a ADEXO é importante que, através deste evento, se possa abordar cinco temáticas principais, eixos que a associação pensa serem prioritários: recalibrar a abordagem, promovendo uma abordagem holística e digna no tratamento da Obesidade; recalibrar a formação médica, apostando na mobilização de recursos para uma formação especializada; recalibrar o papel dos cuidados de saúde, através da criação de um programa de consultas de Obesidade nos cuidados de saúde primários; recalibrar o tratamento da Obesidade, com a comparticipação de fármacos para o tratamento da Obesidade; e recalibrar a perceção pública, criando mecanismos para eliminar o estigma e a discriminação.

Entre outras atividades dentro do evento “Recalibrar a Balança”, destaque para a mesa-redonda “Recalibrar”, em que José Silva Nunes, presidente da Sociedade Portuguesa para o Estudo da Obesidade, falará também com Mafalda Marcelino, secretária-geral da Sociedade Portuguesa de Endocrinologia, Diabetes e Metabolismo, e com o presidente da ADEXO, Carlos Oliveira.

“É urgente passarmos da política à ação e este tem de passar a ser o mote para alterarmos o padrão de abordagem ao tratamento e custos da Obesidade no nosso país, se quisermos combater, eficazmente, esta pandemia”, refere Carlos Oliveira.

Será ainda lançada no mesmo dia e no mesmo local a campanha “1000 livros, 1000 escolas”, obra da ADEXO em parceria com a Associação Portuguesa contra a Obesidade Infantil (APCOI) e Ministério da Educação. O objetivo é fazer chegar a mil escolas de Portugal continental um exemplar do livro “O Esconderijo”, que fala sobre a relação entre o bullying em contexto escolar e a obesidade infantil. O livro conta a história de um rapaz e de uma rapariga, ambos vítimas de bullying por parte dos seus colegas, e a forma como conseguem superá-lo com o apoio de uma professora. De acordo com dados da APCOI, 65% das crianças com obesidade em Portugal sofrem de bullying na escola, principalmente entre os 6 e os 14 anos.

WordPress Ads
Envie este conteúdo a outra pessoa