FIPA: «Imposto sobre bebidas açucaradas não vai solucionar nenhum dos problemas» 246


04 de abril de 2017

Em entrevista ao jornal “Público”, Jorge Henriques, presidente da FIPA (Federação das Indústrias Portuguesas Agro-Alimentares), afirmou que a taxa sobre bebidas açucaradas, implementada a 1 de fevereiro, «não vai solucionar nenhum dos problemas que está subjacente em nenhuma das matérias – sejam elas relativas a obesidade, hipertensão, diabetes, etc – porque esse não é efetivamente o caminho».

O dirigente revelou ter ficado «altamente surpreendido» e «desgostoso» perante esta decisão do Governo. «Foi para nós quase que um choque ter-se trocado aquilo que é um objetivo dito de saúde por um objetivo fiscal».

O impacto desta medida sobre os custos ainda está a ser avaliada, segundo o presidente da FIPA.

Envie este conteúdo a outra pessoa