Época de exames: como ultrapassar sem pânico? 1243

Apresentações, exames…instala-se o stress e só importa estudar até ao último minuto. Durante esta fase, os estudantes descuram diversos aspetos fundamentais, de entre os quais a organização e a alimentação. Todos nós já fizemos uma direta para conseguir estudar tudo e sobrevivemos durante a noite a café, bolachas e chocolate, certo? Mas essa não é, de todo, a receita para o sucesso. Caros colegas, não desesperem! Já todos passámos por isso e, portanto, deixamos aqui algumas dicas que podem seguir para melhorar o vosso bem-estar durante esta época atribulada. Sabemos que, quando estamos à beira do desespero, petiscar fruta pode não parecer muito apelativo quando comparado com chocolate, mas confiem em nós, vão sentir-se melhor se:

1) Criarem um calendário de trabalho – organizem os vossos dias por disciplinas e distribuam todas as tarefas por fazer, reservando algum tempo do dia, nem que seja meia hora, para as atividades que gostam e para conviver. Pode parecer estranho, mas vai ajudar a relaxar e a retomar o trabalho com mais coragem.

2) Prepararem a marmita – cada vez mais são moda e permitem-nos escolher antecipadamente o que queremos comer. A verdade é que, quando estamos fora e sentimos fome não vamos comer uma refeição completa e equilibrada, mas sim refeições ou snacks rápidos, ricos em gordura e açúcares simples que prejudicam muito o estudante, uma vez que o nosso corpo tende a ficar mais cansado, indisposto e com capacidade de concentração diminuída, atrapalhando assim a rotina de estudos.

3) Reforcem a hidratação – é fundamental que tenham sempre uma garrafa de água. Esta é essencial para o transporte de nutrientes e oxigénio e deve ser a bebida de eleição ao longo do dia, em detrimento de bebidas com elevado teor de açúcar. Em alternativa a estas, podem optar pelas águas aromatizadas com fruta ou sumo de limão e ainda chás ou infusões não açucaradas.

4) Petisquem entre refeições – sabemos que nesta altura a vontade de optar por um chocolate ou por um bolo por vezes se torna ainda maior. No entanto, existem algumas formas de contornar essa questão. Importa ser criativo e manter uma alimentação variada, completa e equilibrada, através de ‘snacks’ simples e fáceis de transportar, como é o caso da fruta, rica em vitaminas.

Rita Oliveira e Marta Neves,

Direção ANEN

Envie este conteúdo a outra pessoa