Governo anuncia nova carreira de Técnico Auxiliar de Saúde no SNS 1331

O Governo concluiu esta quarta-feira o processo negocial para criação da carreira de Técnico Auxiliar de Saúde (TAS).

Em comunicado, o Executivo explica que “a criação desta carreira, que abrange todos os profissionais que desenvolvem funções nas entidades integradas no Serviço Nacional de Saúde (SNS), independentemente do regime de vinculação, representa uma valorização para os trabalhadores abrangidos, que se traduz, também, em ganhos para o SNS”.

Em termos remuneratórios, a transição para a carreira de TAS “traduz-se num acréscimo salarial de cerca de 100 euros mensais, correspondente a um aumento de 13%. A remuneração base da carreira passa a situar-se no nível 6 da tabela remuneratória única (TRU), cuja remuneração em 2024 será de 869,74 euros”, lê-se.

Com esta medida, que abrange cerca de 24 mil trabalhadores que exercem funções na área da prestação de cuidados de saúde, “para além dos ganhos para o sistema, valoriza-se de forma inequívoca o papel destes trabalhadores no funcionamento dos serviços de saúde e na prestação de cuidados à população”.

O diploma, que entra em vigor no dia 1 de janeiro de 2024, “representa o reconhecimento, por parte do Governo, da especificidade e exigência das funções desempenhadas por estes profissionais no apoio ao processo complexo que caracteriza a atividade que diariamente é desenvolvida nos serviços e estabelecimentos de saúde pelas equipas multidisciplinares, nas quais se revela essencial o papel dos técnicos auxiliares de saúde”.

Envie este conteúdo a outra pessoa