Agência Europeia analisa pedido para usar medicamento para diabetes em doenças cardiovasculares 748

A Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla inglesa), está a analisar um pedido de extensão do uso de um medicamento para a diabetes e obesidade em problemas cardiovasculares e que foi já autorizado nos Estados Unidos.

“O Comité dos Medicamentos para Uso Humano da EMA está atualmente a analisar um pedido de extensão da indicação para o Wegovy [não comercializado em Portugal] e não podemos especular sobre quando estará concluído”, disse esta segunda-feira à Lusa fonte da agência.

A mesma fonte acrescentou que as avaliações da EMA são independentes das feitas pela agência congénere norte-americana FDA.

Na sexta-feira, a FDA aprovou o uso do medicamento contra a obesidade Wegovy para reduzir o risco de Acidente Vascular Cerebral (AVC), ataque cardíaco e outros problemas cardiovasculares em pessoas obesas ou com excesso de peso.

O medicamento tem como substância ativa o semaglutido, presente num outro fármaco, o Ozempic, autorizado e comparticipado em Portugal para o tratamento da diabetes de tipo 2, e que se esgotou em finais de 2023 devido à sua prescrição para a perda de peso.

Nos Estados Unidos, foi aprovada uma alteração de rótulo do Wegovy solicitada pela farmacêutica dinamarquesa Novo Nordisk que amplia o uso do semaglutido.

A farmacêutica apresentou um pedido semelhante à EMA.

Envie este conteúdo a outra pessoa