Quase metade das crianças dos EUA acredita que as salsichas vêm dos vegetais 963

Um novo estudo descobriu que uma percentagem significativa de crianças norte-americanas entre os 4 e 7 anos de idade acreditam que as salsichas, hambúrgueres e bacon são provenientes de plantas.

O estudo, denominado por “Children are unsuspecting meat eaters: An opportunity to address climate change”, foi publicado no Journal of Environmental Psychology.

A pesquisa teve como base uma experiência onde uma equipa de psicólogos pediu às crianças que classificassem uma variedade de alimentos, incluindo queijo, batatas fritas, bacon, pipocas, camarões, amêndoas e ovos.

Dos 176 participantes, 47% disseram acreditar que as batatas fritas vinham de animais, 44% que o queijo vinha de vegetais, 41% das crianças disseram que o bacon era proveniente de uma planta e 40% referiu o mesmo sobre as salsichas. Até os nuggets de frango, que têm a palavra “frango” no nome, foram identificados como vindos de plantas por 38% dos participantes.

Além de avaliar o conhecimento das crianças sobre a origem dos alimentos, a equipa analisou quais são os animais e as plantas que as crianças acreditavam que podiam, ou não, ser comidos.

A maioria dos participantes afirmou que as vacas (77%), porcos (73%) e frango (65%) não são comestíveis. O estudo sugere que as crianças comem carne sem saber.

Estes equívocos em relação à comida nesta faixa etária, podem ser uma oportunidade para educar os mais novos em relação ao impacto da alimentação na nossa saúde e no meio ambiente.

Pode consultar o estudo aqui.

Envie este conteúdo a outra pessoa