Parlamento Europeu quer reduzir desperdício alimentar para metade até finais de 2016 570

28 de Março de 2016

O Parlamento Europeu recomenda que os Estados-membros reduzam para metade o desperdício alimentar, até ao final deste ano.

Todos os anos, os portugueses deitam para o lixo um milhão de toneladas de alimentos, ou seja, cada um desperdiça em média 132 quilos de comida por ano. Só as famílias desperdiçam 324 mil toneladas. E 17% da comida é deitada fora ainda antes de chegar aos consumidores.

Em Portugal, já existem vários programas que têm como objetivo reduzir a quantidade de comida desperdiçada. É o caso do Dose Certa, que já levou um restaurante no Porto a reduzir a quantidade de arroz e batatas no prato. Sem que os clientes estranhem as doses «mais saudáveis».

Até agora, este projeto, que junta a Associação Nacional de Nutricionistas (APN), a empresa Lipor e cerca de 30 restaurantes do Norte, tem conseguido cortar no desperdício entre os 30% e os 35%.

A declaração do Ano Nacional do Combate ao Desperdício Alimentar prevê ainda medidas como estipular uma percentagem de produtos locais a utilizar por parte das instituições públicas e criar «um programa de ação» que «fixe objetivos e metas para a redução». Bem como ensinar na escola a gestão dos alimentos tornando clara a diferença entre «consumir antes de» e «consumir de preferência até».

WordPress Ads
Envie este conteúdo a outra pessoa