Investigadores converteram garrafas de plástico em vanilina 1528

De acordo com uma investigação, publicada na revista Green Chemistry, foram utilizadas bactérias E-coli artificiais para transformar plástico em vanilina, o princípio odorante da baunilha que se prepara de forma química.

O trabalho, denominado por “Microbial synthesis of vanillin from waste poly(ethylene terephthalate)”, é da autoria de Joanna C. Sadler e Stephen Wallace.

Os investigadores converteram garrafas de plástico em aroma de baunilha, recorrendo a bactérias geneticamente modificadas.

A vanilina, amplamente utilizada na indústria alimentar e cosmética, é um importante produto químico a granel utilizado na fabricação de produtos farmacêuticos, de limpeza e herbicidas.

Para isso, aqueceram um caldo microbiano a 37ºC durante um dia, nas mesmas condições que para o fabrico de cerveja, o que converteu 79% do plástico em vanilina.

Foi a primeira vez que um produto químico utilizado na indústria alimentar e cosmética deriva destes resíduos.

Pode consultar a investigação, aqui.

WordPress Ads
Envie este conteúdo a outra pessoa