Estudo: Mais de 2 milhões encomendaram refeições/comida pelo telefone ou aplicações 505

Segundo um estudo TGI da Marktest, mais de 2 milhões de portugueses encomendaram comida/refeições pelo telefone ou aplicações, no último ano.

Entre julho de 2019 e julho de 2020, foram 2.007 mil o número de pessoas que indicam ter encomendado comida/refeições pelo telefone ou aplicações nos últimos.

Este valor representa 23,4% dos residentes em Portugal continental, com 15 e mais anos, contra os 75,1% que indica não ter encomendado.

Segundo os dados analisados, 36,1% dos indivíduos das classes Alta e Médias Alta referem ter encomendado comida/refeições por telefone ou aplicações, enquanto só 17,5% dos indivíduos das classes Média Baixa e Baixa, o indica ter feito.

No que respeita à idade, verifica-se que os indivíduos entre os 45 e os 54 anos, com 32,3%, são os que mais encomendaram comida/refeições pelo telefone ou aplicações.

Relativamente ao tipo de comida, as pizzas foram as mais encomendadas.

Os dados e análises apresentadas fazem parte do estudo TGI, propriedade intelectual da Kantar Media, e do qual a Marktest detém a licença de exploração em Portugal.

Envie este conteúdo a outra pessoa