Consumo excessivo de ovos pode aumentar risco de diabetes 324

De acordo com um estudo realizado pela University of South Australia (UniSA), em parceria com a China Medical University e a Qatar University, o consumo excessivo de ovos pode aumentar o risco de diabetes.

O estudo denominado por “Higher egg consumption associated with increased risk of diabetes in Chinese adults”, é da autoria de Yue Wang, Ming Li e Zumin Shi, foi publicado no British Journal of Nutrition.

Esta investigação analisou dados relativos a 8545 adultos com 18 ou mais anos, entre 1991 e 2009, é o primeiro estudo a avaliar o consumo de ovos numa grande amostra de adultos chineses.

“Três grupos de trajetórias de consumo de ovos foram identificados. Em comparação com o grupo 1 (30,7%, ingestão inicial baixa e ligeiro aumento), tanto o grupo 2 (62,2%, ingestão inicial média e aumento) e o grupo 3 (7,1%, ingestão inicial elevada e diminuição) foram associados com um aumento de OR para diabetes. Os resultados sugeriram que o maior consumo de ovos foi positivamente associado ao risco de diabetes em adultos chineses”, mostra o estudo.

Os dados indicam que as pessoas que consumem regularmente um ou mais ovos por dia, o equivalente a 50 gramas, têm um risco aumentado de diabetes em 60%.

Apesar de os resultados sugerirem que um maior consumo de ovos está associado ao risco de diabetes em adultos, os especialistas defendem que são necessários mais estudos para explorar as relações causais.

Consulte o estudo aqui.

Envie este conteúdo a outra pessoa