Bastonária presente no balanço do projeto “Comer bem, sorrir melhor” 977

A bastonária da Ordem dos Nutricionistas, Alexandra Bento, participou recentemente na apresentação dos primeiros resultados do projeto “Comer bem, sorrir melhor”, uma iniciativa que tem vindo a acompanhar crianças da Comunidade Intermunicipal Viseu dão Lafões, concluindo que aproximadamente 40% dos alunos que integraram o projeto têm excesso de peso.

Com a ON como parceira, o projeto começou em maio deste ano e avaliou “hábitos e conhecimentos dos alunos nas áreas da nutrição e da medicina dentária”, diz a Ordem no seu site, o que permitiu concluir que as “desigualdades na área da saúde obrigam a intervenções públicas e de forma individualizada”.

Segundo a coordenadora do projeto, Maria Llanes, “há agrupamentos onde nem existem nutricionistas e é necessário reverter isso”. Assim, Alexandra Bento mostrou preocupação face ao balanço apresentado e considerou que “o desafio é a urgência em trabalhar de mãos dadas”, num trabalho articulado entre as autarquias, as escolas e os centros de saúde.

E a urgência de ir para o terreno, com profissionais com competências para o efeito, que agora está nas mãos dos municípios, como a integração de nutricionistas e médicos dentistas nos seus quadros”, destacou a bastonária.

No mesmo evento, a secretária de Estado da Promoção da Saúde, Margarida Tavares, aplaudiu o projeto e destacou a importância de “aproximar as respostas para onde são necessárias e por quem melhor conhece a comunidade. (…) Para tornar a vida dos nossos cidadãos mais longa e, além de mais longa, com mais saúde”.

De acordo com a Secretária de Estado, “uma pessoa com uma alimentação saudável, com um bom peso corporal e com um sorriso bonito é uma pessoa em vantagem na sociedade, em todos os aspetos, sociais e económicos, com um futuro bem mais risonho”.

Recorde-se que o projeto “Comer bem, sorrir melhor” tem vindo a acompanhar 5 mil alunos, entre os 6 e os 10 anos, da Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões e abrange os 22 agrupamentos escolares dos 14 municípios que integram a região.

Envie este conteúdo a outra pessoa