Criado dispositivo que avalia estado de conservação da carne e do peixe 191

07 de Abril de 2016

Um grupo de investigadores japoneses criou um dispositivo, que pode ser aplicado em película aderente, capaz de avaliar o estado de conservação da carne ou do peixe.

O mecanismo em questão deteta a histamina, uma substância gerada quando as bactérias começam a decompor os aminoácidos dos alimentos, responsável pelos sintomas de intoxicação alimentar.

Os investigadores, que criaram este protótipo, esperam desenvolver um dispositivo para comercialização no prazo de três anos, avançou a “Lusa”.

Envie este conteúdo a outra pessoa