Cardiologistas debatem sobre avanços científicos no tratamento invasivo das doenças valvulares 1399

A Associação Portuguesa de Intervenção Cardiovascular (APIC) vai realizar a 13.ª Reunião VaP-APIC, nos próximos dias 14 e 15 de março, no Hotel Vila Galé Évora, em Évora. Esta iniciativa tem como objetivos promover a atualização e partilha de conhecimentos científicos na área da intervenção valvular, e debater os avanços no tratamento percutâneo da doença valvular cardíaca.

“Este evento será uma oportunidade única para o encontro, a partilha e a discussão entre especialistas nacionais e internacionais, que tornarão a 13.ª Reunião VaP-APIC memorável. Sendo o maior evento nacional sobre o tratamento percutâneo da doença valvular cardíaca, teremos uma agenda repleta de temas atuais e mesas redondas dedicadas ao tratamento invasivo das doenças valvulares. Esta reunião visa não apenas promover a troca de conhecimentos e de experiências, mas também contribuir para promover a colaboração entre profissionais de diferentes especialidades ou áreas do conhecimento reforçando a abordagem integrada que doentes com patologia valvular cardíaca devem ter em Portugal, de forma a garantir as melhores opções de tratamento”, explica Rita Calé Theotónio, presidente da APIC.

De acordo com Ângela Bento, Presidente da Comissão Organizadora da 13.ª Reunião VaP-APIC, “O número de procedimentos valvulares tem vindo a aumentar, mas número de implantes de TAVI tem ainda grande potencial de crescimento e ainda temos um grande caminho a percorrer principalmente no que se refere à intervenção mitral e tricúspide”.

E acrescenta: “O programa pretende ser o mais abrangente possível, abordando as várias áreas de intervenção valvular numa perspetiva que queremos que seja tendencialmente prática e promova discussão. A inclusão de temas relacionados com a intervenção mitral e tricúspide, pretende dar ênfase também a estas áreas de intervenção, fomentando a ideia de que, se queremos acompanhar os restantes países europeus, é muito importante trilhar um caminho semelhante ao da TAVI, aumentando o número de procedimentos e apostando em iniciativas como a Valve for Life”.

Este evento é destinado a todos os profissionais de saúde, bem como estudantes da área da saúde, que tenham interesse nas temáticas da intervenção mitral, tricúspide e aórtica.

Para mais informações consulte: www.vap-apic.pt

Envie este conteúdo a outra pessoa