Investigadores do ICBAS recebem financiamento para estudar cirurgia da obesidade 181

Um projeto de investigação, na área da cirurgia da obesidade, foi recentemente financiado, com 250 mil euros, pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT).

Esta investigação, denominada por “BarFail- Mecanismos moleculares associados à falência terapêutica da cirurgia bariátrica”, pretende ajudar na prevenção e no combate à obesidade.

O trabalho é da autoria de Sofia Pereira e Marta Guimarães, docentes do Departamento de Anatomia do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS) e investigadoras da Unidade Multidisciplinar em Investigação Biomédica (UMIB), e conta ainda com a participação dos investigadores do ICBAS-UMIB, Mariana Monteiro (docente e coordenadora da UMIB), Marco Alves (principal investigador da UMIB), bem como Madalena Costa (Técnico Superior das áreas de Diagnóstico e Terapêutica no Departamento de Anatomia do ICBAS).

Com início previsto para janeiro de 2022, o projeto “tem como objetivo principal perceber as razões que levam a que pacientes obesos com características clínicas e antropométricas semelhantes, respondam de forma diferente à cirurgia bariátrica quer em termos de perda de peso, quer por remissão de comorbilidade associadas à obesidade, tal como a Diabetes do Tipo 2”, avança o portal da Universidade do Porto (UP).

Os resultados obtidos a partir desta investigação poderão permitir a identificação dos pacientes que não serão bons candidatos à cirurgia bariátrica e encontrarem terapias adjuvantes para os pacientes que foram submetidos a esta cirurgia, mas que não conseguem atingir os resultados esperados.

O projeto conta ainda com a colaboração da equipa de cirurgia geral do Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga (CHEDV), e com investigadores da Universidade de Copenhaga (Dinamarca).

Envie este conteúdo a outra pessoa