Espinafres podem entrar para a lista de doping 0 1228

Segundo um estudo realizado por um grupo de cientistas da Universidade Livre de Berlim, na Alemanha, a ecdisterona, substância química presente no espinafre, aumenta o rendimento quando ingerida em grandes quantidades. Como tal, os investigadores envolvidos recomendam que este alimento seja adicionado à lista de doping.

Durante 10 semanas, o Instituto de Farmácia da universidade alemã testou 46 atletas. Uns dos participantes receberam placebos, enquanto que outros receberam cápsulas de ecdisterona com o equivalente a 4 quilos de espinafres crus por dia.

Os atletas que receberam o suplemento viram a sua força física aumentar três vezes mais que a dos colegas que tomaram o placebo. O grupo que recebeu ecdisterona passou a levantar 9,5 kg mais peso do que no início dos testes, enquanto os atletas que tomaram placebo só progrediram 3,3 kg no mesmo exercício.

Posto isto, os investigadores recomendam que a substância seja equiparada a doping, já que o componente proporcionaria um efeito similar ao de esteróides anabolizantes. A decisão final só deve ser tomada após uma investigação mais aprofundada sobre o uso da ecdisterona e o desempenho profissional no desporto.

Este estudo foi publicado na revista Archives of Toxicology, e contou com o apoio da Agência Mundial Antidopagem.

Envie este conteúdo a outra pessoa